Brasileira, 29 anos, pediu asilo político na França. Foi parar no subúrbio de Paris. É gauche na vida, feminista e portadora de SII. Pratica yoga às segundas-feiras com um grupo de aposentados. Sua persona acadêmica é mais séria que isso. Bia Rodovalho não é cool.

doente-em-paris

Doente em Paris, ou: um post sincero sobre a natureza humana

VAMOS FALAR DE DOENÇA Eu ia falar do 14 de Julho para vocês, mas estava com febre e vi os fogos de artifício pela televisão. Vamos então falar de um assunto ao qual eu dedico bastante tempo: doenças. Eu tenho várias – crônicas, passageiras, inexplicáveis, autoimunes, psicossomáticas… Eu adoro pesquisar sobre doenças no Google e…