gorilaExistem somente cerca de 900 gorilas montanheses no mundo e mais da metade deles vive nos vulcões Virguna, no Rwanda’s Volcanoes National Park (em português, algo como Parque Nacional dos Vulcões de Ruanda). Para encontrar os impressionantes animais, vivendo em seu habitat natural e exibindo um “bom-humor” que surpreende qualquer um, é preciso encarar uma trilha de duração indefinida, já que não há como saber onde eles estarão, especialmente por sua alta capacidade de locomoção durante a noite. Porém, antes do início da trilha, que acontece pontualmente às 7 da manhã e pode durar até 7 da noite, no máximo, você deverá informar o nível de dificuldade que está disposto a encarar. Mas é aquela coisa: quanto mais difícil, mais “na natureza selvagem”, portanto maiores as chances de grandes e inesquecíveis encontros – inclusive com outros raros animais que vivem por ali. E tem mais uma coisa: por ali, sempre chove, então existe mais esse obstáculo.

Todas as incursões em território selvagem são controladas pelo governo e acompanhadas por guias. Não siga suas orientações e você pode ter que arcar com as consequências de deixar um gorila irritado como você. Também vale para a preservação do local e que é responsabilidade de quem visita, não só para que o parque se mantenha aberto e apto a receber mais pessoas que terão uma experiência tão incrível quanto você, quanto – e principalmente – para que os números dessas espécies, que já são baixos, não caiam ainda mais.

Quer viver essa experiência? Planeje sua viagem com a Plot. Clique aqui e conheça mais sobre os nossos serviços ;)

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário